4 de janeiro de 2010

Menino Deus (Mauro Duarte - Paulo César Pinheiro)

GRANDES BRASAS DA HISTÓRIA

Belíssimo samba para abrir o ano, hein?

Menino Deus (Mauro Duarte - Paulo César Pinheiro)

Raiou, resplandeceu, iluminou
Na barra do dia o canto do galo ecoou
A flor se abriu, a gota de orvalho brilhou
Quando o amanhã surgiu dos dedos de nosso senhor
A paz amanheceu sobre o país
E o povo até pensou que já era feliz
Mas foi porque pra todo mundo pareceu
Que o menino Deus nasceu

A tristeza se abraçou com a felicidade
Entoando cantos de alegria e liberdade
Parecia um carnaval no meio da cidade
Que me deu vontade de cantar pro meu amor

Um comentário:

Marília disse...

Cantar este samba bem na hora da virada foi uma experiência (como diria a Parcera) inenarrável.

Creative Commons License
O Couro do Cabrito by André Carvalho is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.
Permissions beyond the scope of this license may be available at www.creativecommons.org.br.