22 de fevereiro de 2010

Projeto Resgate

O autor acompanhado da rapaziada do Resgate

Certo dia, recebi um recado aqui neste blog. Era de um pessoal de Porto Alegre, divulgando o trabalho que faziam com samba por lá. Peguei o contato de um deles e passei a trocar idéias, experiências e sambas. O nome do sambista era Fernandinho e sua agremiação, Projeto Resgate. Hoje alguns meses após esta descoberta, traço algumas linhas em louvor a essa rapaziada.

Pouco tempo depois de conhecer o blog do Resgate e escutar alguns áudios de suas rodas, comentei com alguns amigos do Samba de Mauá sobre o samba do Sul. Edinho e Marcelo Baseado, dois dos ótimos sambistas de lá, também mantinham contato com eles e, assim como eu, tinham grande curiosidade de conhecer “in loco” o projeto deles. O tempo foi passando até que, em janeiro último, fui a Porto Alegre. A primeira coisa que fiz chegando lá foi ligar para o Fernandinho. “Tô na área!”, disse eu. “Amanhã a gente toma aquela Brahma e arma o samba”, respondeu ele.

No dia seguinte, lá fui eu para o boteco (2,50 a Brahma, é sempre bom lembrar) encontrar a renca. Ficamos apenas bebericando e adiamos o samba para o dia seguinte. Entre uma garrafa e outra, pude conhecer algumas das personalidades que ainda não conhecia: Mario, Tiagão e companhia limitada. Tudo gente boa.

No dia seguinte, fomos para um outro bar armar a batucada. O Fernandinho me disse que a roda não estava completa, mas tava bonita viu? Na hora que vibrou o surdo pela primeira vez, fechei os olhos e senti o peso do samba, vindo com um côro impecável. Sorri e pensei com os meus botões: “Que beleza, o samba da gauchada é bom mesmo”. Quando findou o samba, usei a expressão que eles usam quando gostam de algo: “Aí que me refiro!!!”.

A cada música apresentada por eles ficava a certeza de que Porto Alegre está bem representada no cenário nacional do samba. Muita classe têm aquela gurizada. Gostei mesmo.

O Projeto Resgate é uma agremiação que ajuda a manter acesa a chama do samba. Sambistas de muito valor, despidos de vaidade, com muita humildade e um proceder impecável. Parabéns a vocês, meus amigos.

Segue abaixo, para quem ainda não conhece, um áudio de uma roda de samba armada por eles lá nos pampas:

7 comentários:

Fernandinho - Projeto Resgate disse...

Piruca... Obrigado pelas palavras... Quando quiser pintar de novo, é só vir, traga mais um pessoal também para cantar umas brasas e conhecer a Brahma a $2,50$

Grande abraço, amigo!

Anônimo disse...

Porra Andre.... Firmeza meu!!!
O prazer foi nosso em conhecer a sua pessoa, um cara humilde e de bom coraçao!!!
Porto Alegre vai ta sempre de portas abertas e com aquela brahma de R$2,50 te esperando...hehehe
Abrçao

Gustavo da Cuica Projeto Resgate

André Carvalho disse...

Será sempre um prazer ficar na companhia de vocês.

Abração!

Artur de Bem disse...

André,

também tive o prazer de conhecer esses caras!!! E as caras!!

E é um prazer do caramba!! Muito samba bom!! Pessoal super gente boa mesmo!!

Pena que eu moro longe... há 1 hora de viagem... :P

Thiago do Nascimento disse...

Oba oba, valeu andré... esses dias fui naquele bar aonde biritamos e a cerveja já aumtentou para 3,00 reais - alegria de bebado dura pouco né!!! mas isso é o de menos, há outras redes alcoolicas por aqui, e quando aparecer de novo já sabe, grita dae e que nós nos referimso daqui...axé

Fernandinho - Projeto Resgate disse...

Artur...

Também outro cara do bem(Com o perdão do trocadilho)que tivemos o prazer de conhecer.
E o Thiago tá certo! Aumentou mesmo... Mas, acachaça é o mesmo preço, RSRSR, zoando!


Abraços amigos!

Anônimo disse...

Belo áudio

Creative Commons License
O Couro do Cabrito by André Carvalho is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 3.0 Brasil License.
Permissions beyond the scope of this license may be available at www.creativecommons.org.br.